XXX Colóquio SPP – A Criança e a Psicanálise

Evento cancelado e adiado. Mais informações brevemente.

“A experiência analítica convenceu-nos plenamente da afirmação tantas vezes ouvida de que a criança é psicologicamente pai do adulto e de que os acontecimentos dos seus primeiros anos de vida são de uma importância crucial para toda a sua vida futura”.
– Freud, S. (1940)

A Criança tem ocupado desde sempre um lugar primordial na prática e no pensamento psicanalíticos. Essa Criança, que não existe sozinha, precisa de um ambiente relacional e cultural que a acolha, contenha, responda e, assim, a ajude a desenvolver-se. A atenção e respeito pela riqueza do mundo interior da Criança, pelas necessidades, desejos, fantasias e medos que o habitam, pelos recursos e dificuldades da Criança para viver consigo própria e com sua realidade, continuam centrais na psicanálise contemporânea. Esta especificidade, de nos ocuparmos da realidade psíquica para além da realidade exterior, ou seja, dos registos individuais de cada Criança como única que é, afasta-nos por vezes da resposta interventiva, padronizada e célere, requerendo, ao contrário, o tempo necessário à elaboração e à co-construção.

Com este evento, dedicado à Criança nas suas múltiplas vertentes, a psicanálise da infância torna-se anfitriã e convida a participar através do diálogo multidisciplinar.

Comissão Organizadora

Rita Gameiro
Conceição Melo Almeida
Isadora Pereira
João Santana Lopes
Jorge Rolão Aguiar
Miguel Pinto Barros

Comissão Científica

Maria do Carmo Sousa Lima
Maria José Gonçalves
Orlando Von Doellinger
Rui Aragão Oliveira