Publicado em

Centenário do psicanalista português Francisco Manuel Barreto Alvim (1917-2017)

A Sociedade Portuguesa de Psicanálise tem a satisfação de celebrar, este ano de 2017, o centenário de Francisco Alvim que foi um dos seus fundadores, o seu primeiro Presidente e o primeiro director da Revista Portuguesa de Psicanálise.
Francisco Alvim nasceu no dia 8 de Novembro de 1917 em Alter-Chão, Portalegre, Portugal. Licenciou-se em medicina, especializou-se em neuropsiquiatria e trabalhou no hospital de Santa Marta em Lisboa. Aos trinta e cinco anos, com a sua família já constituída, parte para Genebra, à procura de respostas às questões que a sua prática clinica então colocava. Nesses anos cinquenta faz toda a sua formação para psicanalista na Suíça integrando-se no grupo de Raymond de Saussure e de Michel Gressot. Torna-se membro titular, com funções didáticas, da Sociedade Suíça de Psicanálise. Francisco Alvim, em 1959 em colaboração com psicanalistas portugueses e espanhóis, constitui o “Grupo de Estudos” luso-espanhol. Este grupo de estudos, em 1961, torna-se a Sociedade Psicanalítica Luso-Espanhola. Em 1966 surge uma ruptura com esta sociedade e cria-se o Grupo de Estudo Psicanalítico Português que se transforma, 1977, Sociedade Provisória de Psicanálise. Em 1981, no congresso de Helsínquia, passa a ser componente da Associação Internacional de Psicanalistas.
Francisco Alvim e os seus colegas tiveram, em Portugal, que combater a ignorância sobre o que era a Psicanálise. Tal estado de espírito era ampliado por uma serie de leis, dum regime político ditatorial, que proibiam ou decretavam que o direito associação era restrito e necessitava de pareceres das autoridades vigentes à época. A revolução de abril de 1974 em Portugal vai permitir uma abertura e inicia-se a divulgação da teoria e pratica psicanalítica nas universidades, instituições ligadas á saúde e à educação. Aceite a Sociedade Portuguesa de Psicanálise o seu primeiro presidente foi Francisco Alvim que tanto tinha combatido contra a descriminação da psicanálise em Portugal. Foi também fundador da Revista Portuguesa de Psicanálise e o seu primeiro director.
Francisco Alvim morreu, infelizmente, muito cedo, mas deixou a sua memória nos muitos analistas que com ele fizeram formação ou foram seus analisandos. Deixou uma obra feita de afectos e de relações profundas que perduram até hoje. Também deixou uma obra escrita e publicada sobretudo em revistas de língua portuguesa e francesa.
O psicanalista Francisco Alvim faria hoje, 8 de novembro de 2017, cem anos. A Sociedade Portuguesa de Psicanálise está de Parabéns.

Publicado em

Temas de Psicanálise 2017 – A Criança e o Adolescente

Organização: Instituto de Formação e Terapêutica Psicanalítica (órgão da Sociedade Portuguesa de Psicanálise)

Coordenação: Raquel Q. Lima e Virgínia Ribeiro (membros associados da SPP)

Objectivos: Os Temas de Psicanálise são dirigidos a psicólogos e a médicos, internos ou especialistas, de Psiquiatria e de Pedopsiquiatria no sentido de divulgar a Psicanálise e sensibilizar os clínicos para os aspectos inconscientes subjacentes ao comportamento e à psicopatologia das crianças e dos adolescentes.

Local: Instituto de Formação e Terapêutica Psicanalítica do Porto – Rua Júlio Dinis, 825 – 4º esq – Porto
Telefone: +351 22 606 75 11

PROGRAMA

Temas de Psicanálise I : O Adolescente – Estado depressivo e Depressão

13 de maio de 2017 (10 – 13 h)
Formador: Manuela Fleming
Psicóloga Clínica e membro titular da SPP com funções didáticas
Ver evento

Temas de Psicanálise II : A Criança – O Desenho e o Brincar

3 de junho de 2017 (10-13h)
Formador: Isabel Q. Costa
Membro associado da SPP com formação adicional em Psicanálise de crianças e adolescentes (FEP e IPA)
Ver evento

Temas de Psicanálise III : O Adolescente – Autonomia e dependências

14 de outubro de 2017 (10-13h)
Formador: Manuela Fleming
Psicóloga Clínica e membro titular da SPP com funções didáticas
Ver evento

Temas de Psicanálise IV : A Criança – Instabilidade Psicomotora e Inibição

18 de novembro de 2017 (10-13h)
Formador: Paula P. Freitas
Membro associado da SPP e Psiquiatra da Infância e Adolescência
Ver evento

Inscrição:
(inclui Certificado de Presença aos participantes em cada Tema)
O valor da inscrição em cada Tema é de 15 euros sendo a sua frequência independente. As inscrições devem ser efetuadas através do envio do boletim de inscrição devidamente preenchido para o e-mail do IFTP – iftp.porto@gmail,com – até ao sábado anterior à data marcada, estando limitadas a um máximo de 20 lugares. Apenas serão aceites as inscrições acompanhadas de comprovativo de pagamento que deverá ser feito por transferência bancária para a conta do IFTP (NIB 0010 0000 22058190001 20)

Publicado em

Revista SPP: Volume 36(2)

Editorial

Maria Fernanda Alexandre

A direção da Revista Portuguesa de Psicanálise (RPP) gostaria de exprimir os seus agradecimentos a todos os colaboradores e autores que contribuíram para o enriquecimento deste número 36 [2] com artigos teóricos e clínicos, ensaios, e com uma importante entrevista, permitindo fazer uma ligação entre as diversas áreas da cultura e da psicanálise. Continuar a ler Revista SPP: Volume 36(2)

Publicado em

Falecimento da Psicanalista Canadiana Elizabeth Spillius (1924-2016)

Elizabeth Spillius

É com pesar que comunicamos o falecimento de Elizabeth Spillius, psicanalista canadiana que viveu a maior parte da sua vida em Inglaterra.

Elizabeth Spillius é mundialmente reconhecida como psicanalista e antropóloga social, tem uma vasta obra publicada e dedicou-se ao estudo dos trabalhos de Melanie Klein. Faleceu a 4 Julho, com 92 anos, mantendo sempre uma apaixonada ligação à Psicanálise e à Antropologia.

Se desejar mais informações poderá consultar os obituários do The Guardian e do The Telegraph.

Publicado em

Grupos de Reflexão e de Supervisão na Sociedade Portuguesa de Psicanálise 2016-2017

Diálogos com a Psicanálise

Grupos de Reflexão e de Supervisão na Sociedade Portuguesa de Psicanálise 2016-2017

Candidaturas abertas até 29 de setembro de 2016

No âmbito das actividades do European Outreach Committee da IPA, a Sociedade Portuguesa de Psicanálise prosseguirá em 2016-2017 a dinamização de Grupos de Reflexão e de Supervisão, iniciativa que tem como objectivo fundamental promover o intercâmbio entre o saber psicanalítico e as práticas institucionais. Os grupos são abertos a profissionais que desejem enriquecer a sua prática e conhecimentos em termos da compreensão psicodinâmica e serão orientados por Membros Associados e Titulares da Sociedade Portuguesa de Psicanálise, com reflexão e trabalho nas respectivas áreas.
Contacto: sppsicanalise2013@gmail.com

Mais informações

Publicado em

Revista SPP: Volume 36(1)

Revista SPP 36-1

Editorial

Maria Fernanda Alexandre

A direcção da Revista Portuguesa de Psicanálise (RPP), órgão oficial da Sociedade Portuguesa de Psicanálise (SPP), gostaria de exprimir os seus agradecimentos ao comité de programação do quadragésimo nono Congresso da International Psychoanalytical Association (IPA), que se realizou em Boston em Julho de 2015, por nos ter permitido publicar um conjunto de artigos de relevante leitura e de marcante reflexão. Também gostaríamos de agradecer ao anterior director da revista, Rui Aragão, pelo dinamismo que implementou à revista durante o seu mandato, que terminou em dezembro de 2015, bem como por ter contribuído, com a sua persistência diplomática, para a concretização dos acordos de publicação dos artigos entre a IPA e a nossa Revista. Neste número da Revista (36) mantemos a habitual estrutura organizativa à volta de um Artigo Temático Convidado, de Artigos Teóricos e Clínicos, de artigos de Intercâmbio, de uma entrevista, de uma evocação e naturalmente as habituais recensões. Continuar a ler Revista SPP: Volume 36(1)